Brutalidade dinamarquesa

wales_dinmarc

wales_dinmarc2

Numa cultura que se diz civilizada, num país avançado quer economicamente, quer culturalmente, assiste-se anualmente a um verdadeiro espetáculo de horrores.Jovens dinamarqueses participam activamente para manifestar a sua passagem à idade adulta, matando baleias... Passa-se nas ilhas Faeroe, Região Autónoma da Dinamarca. As crianças são dispensadas da escola para assistir a esta mostra de brutalidade e selvajaria. A carne proveniente desta matança, não é aprovada pela União Europeia para consumo humano, na medida em que se encontra poluída com metais pesados e toxinas.  É incrível que ninguém diga nada sobre um atentado ecológico monumental como este. 

7 comentários:

Donagata disse...

É absolutamente inacreditável. Por vezes tenho até vergonha de me incluir na mesma espécie de alguns seres que se dizem humanos. Os animais não são gratuitamente cruéis so para gozo pessoal ou colectivo.

susana disse...

Em Portugal é com Touros, em Espanha com tomates, enquanto milhares morrem de fome...

Bah!

Clara Branco disse...

Donagata e Susana, o ser humano é tão controverso, e somos culturalmente tão diferentes uns dos outros, que é chocante quando vemos os hábitos dos que se dizem civilizados, numa verdadeira carnificina. É triste. Existem coisas para as quais gostaria de ter explicação...quando estava a escrever este post, ocorreu-me, que há países, como nós, onde existem touros de morte, como é possível, que uma pessoa aprecie ver morrer o pobre animal, e ser por outro lado completamente contra o aborto? Existem tradições que já não fazem sentido, e essas sim, deviam ser completamente abulidas. Por outro lado, tantos defensores dos direitos dos animais que são a favor do aborto... Não terá a vida o mesmo significado se pensarmos em termos gerais? hmmm Complicado...Mas isto sou só eu a divagar!
Mil Beijos

Alien David Sousa disse...

Não há palavras. Não lhes chamo animais porque estaria a ofender os desgraçados dos animais, estes seres são aberrações, são mostros que no lugar do coração têm um buraco.


kisses

Clara B disse...

Na realidade, não existem palavras para descrever actos como este. São culturas diferentes, tudo bem, aceito, mas o Homem, supostamente deveria ter a capacidade de discernimento o suficiente para não practicar actos como este. De facto, chamá-los animais, é pouco. Como vês, Alien, aqui na terra, já não basta matar os da própria espécie, também temos que destruir todas as outras... é lamentável.

Geovanibetin disse...

A proxima vez que eu encontrar um dinamarques ele vai toma soco na cara pelas baleias,
Maldade com os animais eu nao aceito!

Binho disse...

é nessas horas que eu queria ver eles no lugar dessas pobres baleias como ia ser um espetaculo e ao mesmo tempo uma comedia ver esses caras da foto agonizando de dor a beira da morte..são um bando de desgraçados..cujo suas almas ja estão condenadas a eternidade a sofrer no inferno.....